Subscribe Us


Polícia Civil procura homem que matou ex-secretário de Pilar, AL, a tiros

Geraldo Cavalcante morreu na madrugada deste sábado no HGE. Delegado disse que crime pode ter sido cometido por rixa familiar.



A Polícia Civil procura o homem que assassinou a tiros o ex-secretário de comunicação do município do Pilar e secretário do diretório municipal do MDB, Geraldo Cavalcante da Silva, 67 anos. O delegado Sidney Tenório, titular do 23º Distrito Policial do Pilar, disse que o crime pode ter sido cometido por uma rixa familiar.
“O caso deve estar relacionado a uma rixa familiar. Uma desavença antiga entre famílias. Vamos fazer a representação ao Poder Judiciário para solicitar a expedição das medidas necessárias para a prisão do autor desta tentativa de homicídio”, disse.
Geraldo Cavalcante foi baleado dentro de um carro na porta da casa de um pré-candidato a vereador. O crime ocorreu no Pilar, na Região Metropolitana de Maceió, na manhã de sexta-feira (14). A vítima foi levado ao Hospital Geral do Estado (HGE), em Maceió, mas morreu na madrugada deste sábado (15).
Carro em que ex-secretário de comunicação do Pilar, em AL, Geraldo Cavalcante, foi baleado — Foto: Polícia Civil de Alagoas
Carro em que ex-secretário de comunicação do Pilar, em AL, Geraldo Cavalcante, foi baleado — Foto: Polícia Civil de Alagoas

De acordo com o boletim do HGE, Geraldo Cavalcante da Silva morreu às 02h45. Ele deu entrada no hospital às 10h35 da sexta-feira por causa de tiros no crânio, ombro e tórax.
Responsável pelo inquérito, o delegado Sidney Tenório disse que o homem que cometeu o crime já foi identificado e reconhecido por algumas testemunhas. A polícia trabalha para localizá-lo e realizar a prisão.
O delegado esteve no local do crime e pessoas já foram ouvidas no inquérito.

Postar um comentário

0 Comentários