Subscribe Us


 




 

Caixa avalia antecipar demais parcelas do auxílio emergencial

 A Caixa Econômica Federal avalia antecipar as próximas parcelas do auxílio emergencial 2021. O anúncio foi feito na sexta-feira (16) pelo presidente do banco, Pedro Guimarães.



"A partir da avaliação do pagamento deste primeiro ciclo, poderemos antecipar os pagamentos dos ciclos 2, 3 e 4. Será como agora, onde primeiro publicamos o calendário, vimos como foi a dinâmica do pagamento, percebemos que estávamos indo bem e, aí, antecipamos", afirmou Guimarães.

Na quinta (15), durante live com o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), o presidente da Caixa já havia anunciado a antecipação das datas para saques e transferências a outros bancos da primeira parcela.

O adiantamento não vale para beneficiários do Bolsa Família, que recebem o auxílio a que têm direito no calendário normal de pagamentos do programa.

Com a mudança anunciada, os trabalhadores informais e inscritos no CadÚnico nascidos em janeiro poderão transferir ou sacar os valores das poupanças digitais a partir do dia 30 de abril. Antes, o saque só seria possível no dia 4 de maio.

A antecipação permite, ainda, que todos os beneficiários possam realizar transferências e saques da primeira parcela até o dia 17 de maio. No calendário anterior, a última data de saque estava prevista para ter início no dia 4 de junho.

No caso do crédito na poupança digital, que teve início em 6 de abril, também houve antecipação. O depósito no Caixa Tem para nascidos em novembro e em dezembro passou dos dias 29 e 30 de abril, respectivamente, para os dias 28 e 29.

Já para os 236 mil aprovados no novo lote do auxílio após reprocessamento do governo, divulgado em 10 de abril, o crédito segue cronograma diferente. Os nascidos de janeiro a maio receberam, na poupança digital, na última quinta (15). Os demais recebem de acordo com o calendário geral.

Postar um comentário

0 Comentários